Nosso pedaço da eternidade.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010



  Estávamos sob duas árvores, deitados, e eu poderia dizer que estava sentindo o agradável cheiro das flores, aquele cheirinho de primavera, mas seria mentira! Eu só conseguia sentir o seu cheiro, e sua quente respiração no meu pescoço. Como era bom te ter tão perto, sentir você ao meu lado, como se nada no mundo tivesse a força de te tirar dali... como era bom te chamar de meu!
  Virei para te ver, e você olhou para mim com um olhar que suplicava por um beijo, isso te deixava tão lindo! Você sempre fazia isso, mesmo sabendo que não precisava suplicar, meus beijos eram só seus, e estariam sempre disponíveis. Após o beijo, você puxou minha cabeça até que seus lábios encontraram meus ouvidos, e disse “ é impossível esquecer a nossa história, eu tenho um sentimento muito especial por você, diferente do que já senti por outras garotas, você mexe muito comigo, e é bem além de um desejo carnal! ”
  Essas palavras me levaram ao céu. Eu jamais tinha ouvido coisa mais linda. Meu coração? Ele quase saltou do peito, e lágrimas rolaram pela minha face. Você as secou, e disse “ não chore por mim, eu não mereço suas lágrimas ”. Como você pode ser tão bobo? Naquele momento eu tinha o cara dos meus sonhos na minha frente, ele acabara de mostrar o que sentia por mim, e eu não choraria? Chorei sim, foram lágrimas de amor.
  Recostei a cabeça em seu peito, e fiquei a ouvir as batidas do seu coração, que compunham um ritmo perfeito ao se juntar com as minhas. Ao som dessa música, a mais linda de todo o universo, me pus a lembrar de todos os momentos que vivenciamos e, sem dúvida alguma, esse fora o mais sublime, com todos os significados e emoções que essa palavra traz!
  Olhei novamente para você, e seus olhos me confirmaram tudo o que eu acabara de ouvir. E naquele momento eu tive a absoluta certeza que você era a pessoa certa para mim, e que eu era a pessoa certa para você. Sem mais dúvidas, pertencíamos um ao outro! E, com essa certeza, continuamos ali. Sob as árvores, em uma tarde de domingo, eu, você, e NOSSO pedaço da eternidade.




"No one, no one, no one
Can get in the way of what I'm feeling
No one, no one, no one
Can get in the way of what I feel
For you, you, you
Can get in the way of what I feel for you."
( No One - Alicia Keys )




2 comentários:

Moni. disse...

Isso é o que fica de belo.

As coisas não são eternas. Mas as formas como elas ficam em nós, as marcas que deixam, os cheiros inesquecíveis, os olhares perpetuados... isso sim, não se perde e é até capaz de se tornar palavra: a tua palavra, registrada, eternizada!

Um beijo, minha flor!

Moni

Ju Fuzetto disse...

Coisa mais linda!

beijo